Receitas Caseiras para Combater Pragas e Doenças nas Roseiras

Jardim vertical ou jardim suspenso. Monte o seu na Rosas de Jardim!
14 de out. de 2016
A Poda da Roseira
21 de out. de 2016
Exibir tudo

Receitas Caseiras para Combater Pragas e Doenças nas Roseiras

É comum, principalmente na primavera e no verão, aparecer no jardim lagartas, formigas e outras pragas, isso acontece porque as estações quentes favorecem a proliferação de insetos, fungos e ervas daninhas que estragam o jardim.

Para evitar o uso de produtos químicos, que são difíceis de comprar e ainda podem ser nocivos à saúde, saiba como preparar receitas caseiras pra combater as pragas. Algumas fórmulas caseiras anti pragas fazem parte da sabedoria popular e são comumente empregadas por paisagistas e jardineiros.

Para evitar o aparecimento e a proliferação de pragas, é preciso cuidar da saúda das plantas diariamente, tendo atenção nas adubações para que não lhe faltem nutrientes, além de regar de acordo com as característica da planta e verificar a necessidade de luz natural e ventilação.

Roseiras saudáveis são mais resistentes aos ataques de pragas e insetos, por isso para prevenir doenças, primeiro mantenha o solo fértil com adubo NPK 4-14-8, esterco curtido, húmus ou compostagem, segundo, evite encharcar demais a roseira colocando água sobre o solo ainda úmido, pois pode causar apodrecimento e favorecer o surgimento de fungos. No mais, é combater as pragas e doenças e admirar toda beleza das rosas. Então, vamos às receitas?!

Receitas Caseiras

ÁCAROS, COCHONILHAS E PULGÕES

Macere 100g de folhas secas de samambaia em 1 litro de água e deixe de molho por um dia. Ferva a mistura por alguns minutos antes de diluí-la para pulverizar. A proporção é de uma parte do preparado para 10 partes de água.

BESOURO “VAQUINHA”

Faça um preparado de pimenta e sabão. Bata no liquidificador meio quilo de pimenta em dois litros de água, coe e acrescente 50 gramas de sabão de coco derretidos em dois litros de água. Cada litros dessa mistura deve ser diluído em 2 litros de água para a pulverização.

CARAMUJOS E LESMAS

Caramujos e lesmas podem ser atraídos por sacos de estopa molhados com leite ou pedacinhos de batata envoltos em sal deixados à noite no terreno. Você também pode crias espécies de “piscinas” de cerveja com latas rasas, ou cavando buracos no chão e cobrindo-os com plásticos. Encha-os com cerveja e um pouco de sal. As lesmas e caramujos são atraídos pela mistura e acabam sendo exterminados.

FORMIGAS

Coloque cascas de pepinos na entrada dos formigueiros. Outra opção é preparar um macerado de agave em 1 litro de água, macere 6 folhas de agave e despeje o preparado sobre o formigueiro.

Para evitar formigas, você pode colocar ao redor dos canteiros, por cima da terra, farinha de ossos, casca de ovo moído ou carvão.

FUNGOS
Deixe de molho por três dias, 10 gramas de flores em 1 litro de água. Misture algumas vezes para oxigená-la. Depois e só coar e pulverizar. Não é preciso diluir esse preparado.

INSETOS

Um inseticida caseiro pode ser feito fervendo 20g de fumo de rolo em 1 litro de água. Depois e é só coar e pulverizar. Outra opção é preparar um inseticida de cravo de defunto usando 50 gramas de flores, folhas, ramos de cravo de defunto, 1 litro de álcool e 50 ml de acetona. Deixe de molho por um dia com acetona. Depois acrescente o álcool. Dilua cada parte dessa mistura em cinco partes de água e pulverize sobre as plantas atacadas.

LAGARTAS

Prepare um chá de angico na seguinte proporção: 100 gramas de folha de angico para 1 litro de água. Deixe o chá descansar por dez dias, revirando-o diariamente. Passados os dez dias, dilua uma parte do chá em 10 partes de água para pulverizá-lo sobre as plantas afetadas pelas lagartas.

LAGARTAS, PULGÕES E “VAQUINHAS”

Pique 1 quilo de cebola ou cebolinha verde e deixe descansar em 10 litros de água durante uma semana. Depois basta diluir o preparado e 3 litros de água e pulverizar sobre as plantas.

PULGÕES

Faça uma calda de urtiga macerando 100 grãos de urtiga em 1 litro de água e deixe de molho por três dias. Depois coe a mistura e dilua em outros 9 litros de água e pulverize sobre as áreas afetadas, repetindo o processo 15 dias depois. A proporção de 100 gramas de urtiga pra 10 litros de água, depois de preparada, perde a eficácia em três dias.

CUIDADOS NO MANEJO DOS INSETICIDAS CASEIROS

Mesmo os inseticidas caseiros devem ser aplicados com alguns cuidados; não pulverize contra o vento, proteja os olhos, após o termino da aplicação troque de roupa e lave muito bem as mãos.

Assine nossa Newsletter e receba nosso conteúdo em primeira mão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *